Visit us on TwitterVisit us on FacebookVisit us on LinkedIn
Cosmetic Innovation - Know More. Create More.RadarMercado de Beleza “Limpa” no Brasil

Mercado de Beleza “Limpa” no Brasil

  • Written by:

Durante a pandemia o mercado brasileiro de cuidados pessoais e de beleza mais uma vez demonstrou sua grande capacidade de resiliência. Em geral, isso se deveu à maior preocupação e consciência do brasileiro em relação à segurança sanitária, assim como a mudança nos hábitos de cuidados pessoais devido ao isolamento social e ao fechamento de comércios e serviços físicos.

Outros fatores, como o aumento dos casos de ansiedade e depressão, também tornaram os consumidores mais atentos à sua saúde e mais propensos a investir no próprio bem-estar. A questão é que os consumidores não estão investindo em qualquer produto de cuidados pessoais, mas nos chamados produtos naturais – “limpos”, cruelty free, ecológicos e veganos, tendência essa que está sendo chamada de “Beleza Limpa Brasileira”.

Afinal, O Que São Esses Produtos Naturais/”Limpos”?

Na maioria das vezes, quando nos referimos a produtos naturais, além de estarmos nos referindo à sua composição quase 100% obtida de plantas, estamos falando também de produtos que não possuem componentes químicos ou sintéticos, não são industrializados, e são compostos de frutas, flores, folhas, sementes, vegetais. Isso inclui ingredientes como aloe vera, sálvia, gerânio, gengibre, chá verde, murumuru, lavanda, entre muitos outros.

Na maioria dos casos, os produtos naturais são produzidos de forma sustentável – desde os ingredientes até o processo produtivo em si – e trazem em suas embalagens (também sustentáveis) rótulos como:

“Cruelty Free”: em tradução livre, “Livre de Crueldade”. São produtos sem componentes animais, e que também não envolvem testes nos mesmos;

“Eco-Friendly”: “Amigável ao Meio Ambiente”. Refere-se à uma postura ecologicamente inclinada da empresa, que é aplicada também à formulação e ao meio de produção dos seus produtos;

“Vegano”: o produto vegano já traz em sua definição a característica de “cruelty free”, possuindo as mesmas características da dieta vegana, ou seja, não utilizando de quaisquer derivados animais, incluindo leite, mel, ovos, ceras, etc. O produto vegano também não realiza testes em animais;

“Orgânico”: produtos com ingredientes produzidos sem a utilização de adubos químicos e agrotóxicos, ou seja, produtos 100% naturais;

“Reciclável”, “Plástico Reciclado”, “Embalagem Reciclada”, “Biodegradável”: produtos que reutilizam embalagens ou investem na reciclagem para evitar o desperdício e a poluição com lixo. Os biodegradáveis são materiais que, após descartados, são decompostos rapidamente, o que não ocorre, por exemplo, com embalagens plásticas;

“Livre de Parabenos”: antes de tudo, parabenos são conservantes adicionados aos produtos para evitar o desenvolvimento de fungos e bactérias, que podem prejudicar a qualidade do produto e a saúde do consumidor. Apesar disso, os parabenos são compostos que podem causar irritação e alergia, motivo pelo qual as empresas vêm investindo em produtos sem adição de parabenos.

Destaques de 2020

Os óleos essenciais, especialmente aqueles com ingredientes conhecidos por ajudarem no tratamento de ansiedade, como a alfazema e o patchouli, ganharam atenção entre os produtos destinados à pele devido à suas características terapêuticas. Alguns exemplos são a linha de sinergia “Blend de Óleos”, da Samia, e os novos óleos essenciais “Juniper e Yuzu” da Phytoterápica.

Além disso, os produtos para cabelo também viram um crescimento significativo: como os consumidores ficaram isolados em casa, eles passaram a ter mais tempo para se preocuparem e cuidarem de seus cabelos, o que os levou a procurar produtos do segmento capilar – e não foram quaisquer produtos, mas produtos naturais profissionais, como o detox capilar à base de plantas. Outros exemplos são a linha de cuidados para cabelo “Poder das Plantas” e a linha vegana “Love, Beauty & Planet”, da Dove (Unilever), contando com 95% de produtos e ingredientes naturais e embalagens PET 100% recicláveis.

A novidade na formulação dos produtos não foi só os ingredientes naturais, como também a utilização de componentes antes utilizados em produtos de skin care, como os hialurônicos e os aminoácidos – um exemplo é a linha Expert Pro Longer, da L’Oréal.

Os cuidados com o corpo também se beneficiaram com a crise pandêmica, ocorrendo um aumento no consumo de hidratantes corporais e de mãos devido ao excesso de lavagens e uso de álcool-gel. Assim como nos produtos capilares, os ingredientes naturais também migraram para essa categoria e foram incluídos em produtos como esfoliantes corporais, sabonetes líquidos e desodorantes. Até o segmento de cuidados para unha, que comumente trazia produtos químicos em sua formulação – esmaltes e removedores de esmalte, por exemplo – passou a aderir à uma abordagem mais natural. A própria Natura lançou uma linha de esmaltes veganos e naturais, a “9-free”, que consta, em sua embalagem: sem formaldeído, tolueno, DBP, cânfora, parabenos, TPHP, etil tosilamida e xileno.

Tamanho do Mercado em 2020 de Produtos Posicionados Como Naturais /Limpos

Estudo recente da Factor-Kline estima que o mercado de produtos de beleza e cuidados pessoais posicionados como “naturais“ já seja superior a R$ 10 bilhões de reais a preço de fábrica no Brasil em 2020, com destaques para fragrâncias, seguida por loções e por produtos de limpeza pessoal.

Tendências

O Brasil tem potencial para se tornar um pioneiro no desenvolvimento de fórmulas e produtos criativos e únicos: hoje existem mais de 600 plantas catalogadas que são utilizadas pela indústria cosmética, entre outras milhares em estudo . Associado a isso, a crescente preocupação com a sustentabilidade no Brasil pode impulsionar ainda mais o mercado de produtos naturais, até porque os consumidores se tornaram mais críticos em relação ao modelo de atuação das empresas e aos produtos que oferecem, passando a observar como são produzidos, quais ingredientes são utilizados e como são embalados.

Desse modo, ao combinarmos a crescente preocupação em torno da sustentabilidade com a diversidade da flora e fauna do Brasil, associada ao surgimento de marcas indie locais ecologicamente inclinadas e ao crescimento de empresas maiores, o país se torna um mercado de produtos naturais extremamente atraente.

 

 

 

Fonte: Blog Factor-Kline 11.11.2021

fsmip_meta_s_enable_floating:
yes
fsmip_meta_s_enable_post_icons:
yes

Comments are closed.

Parceiros 2021

Home

Categorias

Nossos Portais

Parceiros

Animated Social Media Icons Powered by Acurax Wordpress Development Company