Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic Innovation - Know More. Create More.Destaque Factor-Kline Matérias EspeciasTerceirização ganha protagonismo no mercado cosmético

Terceirização ganha protagonismo no mercado cosmético

  • Written by:

Pandemia favorece soluções que racionalizem negócios e viabilizem novos projetos

Por Estela Mendonça

A terceirização de cosméticos, que já vinha ganhando terreno nos últimos anos, especialmente com a entrada de novas marcas no mercado, com a pandemia, a atividade vem conquistando um protagonismo ainda maior. Isso porque a Covid-19 está estabelecendo uma nova ordem, não só na forma de vender, mas também de desenvolver e produzir.

Para a consultora de inovação de cosméticos,  Ariani Elias, o diferencial competitivo do mercado cosmético de entregar sempre mais e melhor os produtos para o consumidor é muito latente. “A terceirização de produtos cosméticos pode ser vista como uma solução para as empresas, que desejam focar o seu potencial na criação e nem sempre na execução de produzir um projeto”, analisa.

Ariani Elias, consultora de inovação de cosméticos

Ariani avalia que, neste momento de pandemia, principalmente as marcas que estavam se preparando para entrar no mercado, a decisão de esperar pode ter sido uma estratégia inicial, porém não tão eficaz quanto se adequar ao novo mercado.  “A pandemia trouxe instabilidade, mas o segmento cosmético foi positivamente beneficiado. As marcas que trazem valores, como proteção, cuidado, bem-estar, segurança, são inseridas em um cenário que exige cada vez mais isso. O momento não é de esperar, mas sim de inovar,  se conectar com o público e transmitir o máximo de verdade possível, já que a pandemia trará sequelas permanentes que refletem em novos perfis de consumidores”.

Confirmando esta tendência, de acordo com o estudo “O Mercado de Indie Brands de Cosméticos no Brasil – Oportunidades de investimentos”, lançado no ano passado pela Factor-Kline, a terceirização da produção entre as indie brands é superior a 70%.

Enquanto 60% das marcas atuam no segmento ética e bem-estar, com foco em hair e skin care e foram fundadas por mulheres, 40% atendem segmentos específicos, são especialmente focadas em barba e hair care e foram majoritariamente fundadas por homens.

Desafios

Segundo Juliana Bondança, gerente de projetos da Factor-Kline, essas empresas enfrentam também muitos desafios. “São empresas de pequeno porte com diversas carências e desafios para viabilizar um crescimento mais sustentável e perene, com destaque para falta de capital de giro para suportar o ritmo de crescimento, acesso a informações e inteligência de mercado, estrutura logística ineficiente, falta de escala para acessar matérias-primas, entre outros”.

Em virtude disso, a maior parte das empresas recorrem a terceirizadas de produtos acabados, priorizando a gestão comercial e de marca.

Busca por know how

Sediada na capital paranaense, a Skelt Cosmetics, uma das marcas de autobronzeadores mais vendidas no país, sempre optou pela terceirização. Segundo Gabriel Beleze, fundador e diretor da Skelt, uma das vantagens é deixar essa parte para quem tem o know how. “Você consegue focar nas partes que possui maior conhecimento. Nós, por exemplo, gostamos de focar no desenvolvimento de produto, branding, marketing, estratégias, distribuição, logísticas, supply chain, atendimento ao cliente e toda parte comercial”, explica.

Para Beleze, não necessariamente a terceirização é uma solução para reduzir os investimentos para se criar uma marca ou lançar novos produtos. “Temos marcas de cosméticos que tiveram investimento inicial de R$ 10 até R$ 200 milhões e escolheram terceirizar. A escolha da terceirização não está sempre atrelada ao investimento inicial, mas também à estratégia da marca em focar nas atividades em que tem maior domínio e know how. Claro que terceirizar possibilita um custo inicial menor, porém, existem marcas que possuem um investimento inicial pequeno e preferem usar o recurso para construir sua própria fabrica”.

Biocosméticos inovadores

Toda a fabricação da linha de produtos da Aya-Tech, uma startup de alta tecnologia em P&D que atua com produtos biocosméticos para higiene e saúde, também é terceirizada. Fernanda Checchinato, CEO da empresa, explica que, basicamente, os produtos são saneantes e cosméticos. Ela cita como exemplos o repelente para roupas e tecidos Protec, o antibactericida Microbac, a linha GY de antisséptico hidratante sem álcool para mãos e a linha Fly de repelente para pele.

Fernanda Checcinato, CEO da Aya-Tech

A terceirização da fabricação foi opção desde a fundação da empresa em 2010. “Nosso modelo de negócios tem por base a fabricação por demanda. Dessa forma, temos uma redução significativa de gastos em relação a estoque, a aluguel de galpão e com trabalhadores diretos, além dos custos fixos que toda produção exige”, justifica, destacando que o grande diferencial são os produtos. “Todos são desenvolvidos por nós e obrigatoriamente tem de possuir um diferencial em relação aos produtos existentes no mercado, seja em qualidade, performance ou maior gama de utilização”.

Lançamentos acelerados

“Criar uma indústria do zero requer não somente altos investimentos, como também tempo de espera para que se tenham todas as licenças emitidas necessárias para operação”, ressalta Berenice Freire, diretora de negócios da Trevo Soluções Cosméticas, localizada em Guarulhos, Região Metropolitana de São Paulo, que acrescenta que terceirizar é a solução para acelerar o lançamento de uma marca. “Com retorno financeiro rápido e focando a energia total para as vendas do negócio, a terceirização traz receita numa velocidade sem igual, comparada aos processos gerenciais que se deve ter dentro de uma indústria”, defende.

Berenice Freire, diretora de negócios da Trevo Soluções Cosméticas

De acordo com Berenice, a Trevo atua em produção de cosméticos diversos, em sistema beneficiamento e industrialização e full service, que inclui mentoria regulatória orientativa e direcional de todo o processo, envolvendo desde o texto de rotulagem até a criação de código de barras, além de mentoria de marketing de todo o processo, abrangendo logomarca, opções de embalagens e comunicação com o público-alvo.

A planta da Trevo produz cosméticos e produtos de higiene pessoal em diversas categorias. Em hair care, são fabricados itens de manutenção, inclusive infantis e masculinos, e também de transformação, desde descolorantes e água oxigenada até tonalizantes e alisantes. A empresa também fabrica vários itens em skin care, incluindo séruns, águas termais e cremes e loções para o rosto e corpo, além de produtos específicos para manicure. Para higiene, o portfólio oferece sabonete, shower gel, álcool em gel 70, álcool em creme 70 e antissépticos diversos. “Todas as variantes podem ser no formato tradicional, vegano e natural”, informa Berenice.

“Temos clientes de pequeno, médio e grande porte. Com pedidos que variam de 300 a 100 mil unidades por variante mês. Tudo isso diluído em linhas profissional e varejo”, diz Berenice, que cita vários fatores que avalizam a qualidade de atuação da Trevo:  flexibilidade de lotes mínimos, tecnologia direcionada para formulações exclusivas, total respaldo de criação de marca, experiência de profissionais renomados e premiados pelo mercado com 17 anos de vivência, ajustes à realidade do cliente com transparência legal, oferta de plataforma educativo-técnico-científica de material exclusivo e retorno rápido de projetos.

Planta da Trevo produz cosméticos e produtos de higiene pessoal em diversas categorias

“Contamos com profissionais de altíssima experiência, inclusive no segmento de ingredientes sustentáveis. Com espírito inovador, eles trazem opções novas e as últimas tendências para lançamentos de produtos em sua respectiva categoria. Isso, além de segurança, traz maior assertividade mercadológica em lançamentos, aumento significativo das vendas, além do termo de confidencialidade totalmente respeitado”, completa Berenice.

Projetos exclusivos

A versatilidade é um dos pontos altos da SkinLab Cosméticos, empresa do Grupo Adhespack que oferece serviços de terceirização em cosméticos, que podem ser prestados na forma full service, incluindo desenvolvimento de fórmulas, amostras para os testes obrigatórios e registros na Anvisa, fabricação, envase e apoio no desenvolvimento  das embalagens e dos rótulos, bem como de apenas algumas etapas, de acordo com o interesse dos clientes, como  só envase, por exemplo. Além disso, nas outras unidades do Grupo Adhespack é possível fazer impressão de rótulos, embalagens secundárias e amostragens.

Segundo a diretora geral da SkinLab, Nicolli Camargo, a fabricação abrange produtos de hair care, skin care, cuidados pessoais, masculinos, infantis, maquiagem (batons líquidos e pós) e naturais. Já a carteira de clientes em sua maioria é formada por empresas de pequeno e médio porte, sendo que a maior demanda é por produtos faciais e de tratamento, como séruns, máscaras faciais, hidratantes. “Um de nossos projetos para um cliente é uma linha oncológica para pacientes que estão debilitados por conta da quimioterapia. São produtos mais delicados e para peles sensíveis”, exemplifica.

Nicolli Camargo, diretora geral da SkinLab

Um diferencial apontado por Nicolli são as formulações personalizadas: “Contamos com uma equipe técnica de desenvolvimento que sempre busca inovações e personalização de cada projeto. De acordo com o briefing passado por nosso cliente, nosso time procura desenvolver uma formulação exclusiva que atenda suas necessidades. Nosso foco é trabalhar com produtos de alta qualidade, com ativos específicos para cada finalidade”.

Outra vantagem, especialmente para empresas que estão iniciando no mercado é a quantidade mínima exigida. “Como em alguns terceiros as quantidades mínimas de produção são muito altas, isso inviabiliza muitos projetos. Na SkinLab, conseguimos trabalhar com uma quantidade mínima bem acessível, o que permite o cliente sentir a aceitação do mercado de seu novo produto antes de ter grandes estoques. Este é também um grande diferencial no mercado”, ressalta.

A empresa também atende grandes empresas, especialmente para o fornecimento de flaconetes e sachês, cuja procura tem aumentado muito com a nova demanda de doses únicas e compras online, de acordo com Nicolli.

SkinLab atende clientes de todos os portes

Entre os benefícios para uma marca optar pela terceirização, Nicolli destaca que é não ter os custos de manter uma planta e funcionários, ainda mais se a marca estiver iniciando no mercado, mas alerta que a relação deve ser de parceria e confiança. “O mais importante é selecionar um terceirista com todas as documentações e certificações exigidas por lei e verificar seu histórico de prestação com outros clientes em relação a prazos e qualidade durante o processo”.

Pós descolorantes e água oxigenada

Para Guilherme Rodrigues, gerente de marketing da empresa mineira Natuprime, focada na fabricação de pó descolorante e água oxigenada para linhas capilares de varejo e profissional, as empresas do setor de cosméticos tendem a buscar reduzir custos próprios com mão de obra e desenvolvimento de produtos, diante do atual cenário da economia. “Assim, a terceirização da fabricação de cosméticos se torna uma alternativa ainda mais viável para o setor, mas escolher o parceiro certo para colocar suas ideias e produtos exige muita atenção”, alerta.

Além da proximidade de grandes centros de distribuição, como Rio de Janeiro, Belo Horizonte e São Paulo, a Natuprime é formada por profissionais com mais de 20 anos de experiência no mercado de cosméticos e que já atuaram nas maiores empresas do ramo. “Nosso maior diferencial é a especialização da mão de obra. Na área em que atuamos, desenvolvemos produtos de grande complexidade, tanto de formulação quanto de fabricação. Assim, até empresas que têm fábrica optam por terceirizar com especialistas produtos como pó descolorante, água oxigenada e coloração capilar” afirma.

Guilherme Rodrigues, gerente de marketing da Natuprime

O executivo recomenda dedicar um tempo a conhecer um parceiro de terceirização. “Buscar terceiristas que tenham experiência tanto em desenvolvimento quanto em fabricação, além de visitas pessoais para verificar se a empresa é regularizada, idônea e que siga Boas Práticas de Fabricação, não esquecendo também de escolher aquela com um bom relacionamento comercial e suporte técnico”.

Com clientes de todos os portes, a Natuprime oferece suporte completo para a produção em média e larga escala e já desenvolveu um produto inovador, um pó descolorante que não agride os fios. “É o sonho de toda loira. Usando ativos de alta performance, chegamos a uma fórmula que age retirando a melanina dos fios e repondo nutrientes, de forma simultânea e assim o fio não sofre desgaste”.

O gerente da Natuprime acredita que a terceirização incentiva a entrada de novas marcas no mercado, já que todo foco fica voltado para o desenvolvimento comercial e de marketing dos produtos, enquanto o desenvolvimento, regularização e fabricação ficam por conta do terceirista, que já possui uma estrutura para isso, reduzindo-se assim drasticamente os custos para colocar uma linha no mercado.

Natuprime tem atuação focada em pós descolorantes e água oxigenada

“Temos capacidade para atender não só a fabricação e envase, mas também no apoio técnico para a elaboração do produto. Investimos em testes e melhorias com pesquisa e desenvolvimento aliados a um rigoroso controle de qualidade. Também temos uma atenção especial aos assuntos regulatórios, que são vitais para a comercialização do produto”, finaliza Rodrigues.

Especializada em unhas

O grupo francês Fiabila, com planta em operação no Brasil desde 2017, é um fornecedor global com experiência de 43 anos na fabricação exclusiva de produtos para unha, como itens de cuidados, esmaltes e finalizadores, tanto a granel como em produtos envasados, prontos para distribuição.  “No Brasil, somos simplesmente o único fornecedor capaz de fabricar nessas condições. Sem mencionar a criatividade única em cores e formulações”, ressalta o gerente geral do grupo, Alexandre Miasnik.

O executivo destaca três grandes fatores que diferenciam a atuação da Fiabila: profundo conhecimento focado em uma única categoria de color cosmetics, área de pesquisa e desenvolvimento muito forte e tecnologia industrial inovadora e exclusiva.

Alexandre Miasnik, gerente geral da Fiabila

“A Fiabila é líder e referência mundial como fornecedora de esmaltes. Fornecemos para pequenas empresas e para as maiores marcas de cosméticos locais e globais”, garante Miasnik, explicando que a companhia apoia seus clientes desde a seleção das formulações, passando pela escolha da paleta de cores, até as decisões de embalagem. “Assim, podemos oferecer uma real opção turnkey, garantindo aos nossos clientes a qualidade e a segurança de que precisam”.

Miasnik acrescenta que o abrangente portfólio de formulações de esmaltes e de produtos para cuidados com as unhas permite que a Fiabila ofereça soluções para as mais variadas e específicas demandas dos clientes. Apenas de cores já foram desenvolvidas mais de 200 mil e novas opções são criadas todos os dias.

Além do desenvolvimento de fórmulas e cores, o suporte da Fiabila poderá incluir ainda orientação para a comercialização dos produtos quanto a características e benefícios. “As marcas precisam contar e confiar em seu fornecedor. Isso significa que eles obterão o melhor produto para suas necessidades, cumprirão os regulamentos aplicáveis ​​e oferecerão a melhor qualidade”, finaliza.

Desenvolvimento incluso

A Harmony Terceirização, instalada no Parque Industrial de Jandira-SP, atua há 23 anos em terceirização de cosméticos. De acordo com a sócia Fernanda Prado, entre os serviços oferecidos pela empresa estão envase de produtos líquidos, pó e aerossol, além de manipulação de cosméticos, nas categorias skin care, hair car, make up, sun care e nail care. A empresa também produz essências e aromas em sua planta.

Fernanda Prado, sócia da Harmony Terceirização

Fernanda destaca que um dos grandes diferenciais da empresa, além da quantidade mínima, inclusive de produtos em aerossol, é disponibilizar para o cliente o laboratório de desenvolvimento. “Não cobramos taxa pelo desenvolvimento”, enfatiza, ressaltando que a empresa tem uma equipe de profissionais em sintonia com tendências internacionais.

A empresária defende que a terceirização tornou-se uma solução para se reduzir investimentos para se criar uma marca: “A terceirização da produção favorece a maior variedade de marcas no mercado, sobressaindo-se as com bons parceiros de fabricação”.

Além disso, o banco de dados da empresa conta com mais de 100 mil fórmulas e todas as fases de desenvolvimento e produção são automatizadas, eliminando riscos de erros humanos. “Nossos procedimentos de fabricação e envase são submetidos a rigorosos testes de qualidade”, garante Fernanda.

A consultora americana Tamar Kamen, em entrevista ao portal Beauty Matter, comenta que o melhor conselho para quem opta por terceirizar, é fazer a lição de casa. “Entenda o mercado, seus concorrentes, produtos competitivos, declarações competitivas, ingredientes, tamanhos, embalagens e texturas – e faça isso antes de iniciar as conversas. Quando estiver pronto para iniciar o desenvolvimento real, faça um resumo detalhado do produto. Liste todas as reivindicações que você deseja, ingredientes específicos, fragrância, cor, textura, quantidades e, muito importante, a meta de custo. A pior coisa que você pode fazer é não estabelecer todos esses detalhes desde o início”.

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Parceiros