Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic Innovation - Know More. Create More.Internacional RadarSephora anuncia padrões de CDB para seus produtos

Sephora anuncia padrões de CDB para seus produtos

  • Written by:

Na quarta-feira (26), a Sephora anunciou seus “Padrões CBD”, que definem parâmetros em torno da potência, qualidade dos ingredientes, fornecimento e testes de CBD para reforçar o compromisso da varejista como um recurso confiável no cenário de beleza e de CBD.

Para estar em conformidade com os padrões Sephora CBD, as marcas de beleza devem se qualificar primeiro no padrão “Clean” (Limpo) da Sephora, que a empresa criou em maio de 2018, disse Cindy Deily, vice-presidente de marketing de produtos para pele da Sephora. No ano passado, a empresa instituiu padrões mais rígidos para o seu programa Limpo, garantindo que os produtos estejam livres de mais de 50 ingredientes, versus os 13 colocados no lançamento. Além disso, os produtos de beleza CBD devem conter CBD de amplo espectro ou espectro completo e o CBD deve ser cultivado internamente. Todos os produtos devem ser testados três vezes por terceiros e um certificado de análise que verifique o conteúdo do CBD deve ser disponibilizado, para que as constatações dos rótulos correspondam aos ingredientes.

“A procura por CBD no Sephora.com aumentou mais de 1.000 vezes desde 2018, portanto, há claramente interesse do consumidor nesse tipo de produto. Como os consumidores buscam navegar nessa categoria crescente, vimos a necessidade de fornecer transparência e garantia de qualidade”, disse Deily.

Assim como a beleza “limpa” da Sephora — a Target implementou sua própria interação limpa em julho do ano passado —  a Sephora se torna a primeira varejista nacional a criar diretrizes quanto a CBD. Deily disse que a Sephora manterá sua curadoria intencionalmente focada. Depois de lançar sua primeira marca CBD nas lojas em julho passado com a Lord Jones, a Sephora adicionou apenas recentemente a Saint Jane e a Flora + Bast à sua lista nacional. A nova marca Prima, que lançou D2C (Direct to Customer – modelo de vendas Direto Ao Consumidor) em junho do ano passado, será a quarta marca de beleza a ancorar a variedade de CBD da Sephora em mais de 170 lojas. On-line, produtos CBD selecionados de marcas como Josie Maran e Herbivore serão incluídos.

Em locais físicos, as marcas CBD serão destacadas no display de mercadorias “The Next Big Thing” (“A Próxima Grande Coisa”) da Sephora. Digitalmente, os padrões CBD e o produto correspondente serão promovidos em uma página de destino e em páginas de produtos dedicadas. Por enquanto, o marketing estará focado no suporte na loja por meio dos consultores de beleza da Sephora e na amostragem através do programa Beauty Insider da empresa. No entanto, Deily disse que a equipe da Sephora está em comunicação frequente com o Google e o Facebook, já que os recursos de publicidade on-line da marca ainda são limitados.

“Sentimos a necessidade de sermos seletivos, porque acaba sobrecarregando bastante e o cenário jurídico é muito complexo”, disse Deily.

Embora a marca Prima seja exclusiva da Sephora por seis meses, seus outros parceiros de marca CBD têm distribuição em outros lugares. Parte da lógica da Sephora na criação de seus padrões de CBD é que outras empresas ainda não possuem uma variedade de produtos distintos com CBD. Por exemplo, embora Ulta possua a Cannuka, a marca também é vendida no Space NK, que normalmente vende produtos muito mais caros. Enquanto isso, o Sagely Naturals é vendido na CVS e na Neiman Marcus.

Além do alcance abrangente que a Sephora fornece à Prima, seu processo de padronização foi particularmente atraente para o fundador e CEO Christopher Gavigan. De acordo com Gavigan, a Prima tem registrado um crescimento de vendas de dois dígitos mensal desde o lançamento online, mas deseja criar um negócio omnichannel.

“As marcas precisam que os varejistas os responsabilizem por seu CBD e métodos de teste. Nos dias de hoje, não há regulamentação do governo para mostrar ou provar o que são ingredientes contaminados ou eficazes”, disse Gavigan.

“Atualmente, existem centenas de produtos com rótulos incorretos que alegam conter ‘cannabis’ que contêm zero CBD ou outros canabinóides. Os riscos da “Lavagem Verde” estão confundindo o consumidor e marginalizando a categoria”, disse Robert Rosenheck, fundador e CEO da Lord Jones. “Desde o início, nós da Lord Jones estávamos obcecados em produzir produtos limpos, ecológicos e seguros. Queríamos atingir níveis rigorosos de precisão ao infundir nossos produtos, e por isso testamos, testamos e testamos novamente. Esta é a peça mais importante dos “Padrões CBD” da Sephora. Agora, todos os produtos com CBD da Sephora serão testados quanto à potência, tanto como à presença de contaminantes microbianos e químicos. ”

Sem uma regulamentação mais rígida da FDA no horizonte, a Sephora espera que as marcas se tornem mais responsáveis ​​em relação à sua produção e reivindicações relativas a CBD, e que os clientes sejam mais críticos com seus produtos de CBD.

“Com tantas novas marcas e alegações, há um risco que os consumidores se fechem completamente a esse mercado”, disse Deily. “Houve um tsunami de lançamento de novas marcas CBD, e isso vem acontecendo há mais de um ano. A atividade da marca nesse espaço acabou nos tornando mais conservadores, surpreendentemente. ” — Priya Rao

No que prestar atenção agora

Por meio do concurso “The Big Find” (“O Grande Achado”), a estratégia de beleza do Grupo de Varejo Qurate para a QVC e a HSN entrou em foco. O programa tinha como objetivo encontrar as próximas marcas “it” em cinco categorias: beleza, acessórios, roupas e calçados, joias e casa. Porém, por meio do concurso, 18 novas marcas de beleza serão lançadas pela HSN e 16 estrearão na QVC. As marcas de acessórios foram a segunda categoria que obteve grande sucesso, com seis e oito marcas entrando na HSN e QVC, respectivamente.

A marca D2C Mented já estreou na HSN em janeiro e a Cleo+Coco foi lançada na QVC em fevereiro, onde viu seu desodorante natural esgotar em sua primeira aparição no ar. Para aproveitar a energia do concurso, a QVC concentrará sua programação na iniciativa na sexta-feira com um Big Find Show (Show do Grande Achado). A marca de produtos para pele e cabelos Maison 276, a empresa de beleza limpa TOK Beauty, a empresa produtos de cabelos Act + Acre e a marca de bronzeamento Norvell serão lançadas posteriormente.

“Na QVC e na HSN, estamos constantemente nos esforçando para oferecer diferenciação de produtos em nossa categoria de beleza. Nossos clientes anseiam por novidades e adoram descobrir itens únicos e exclusivos que não conseguem encontrar em nenhum outro lugar”, disse Rob Robillard, vice-presidente de beleza integrada da QVC e HSN. “O Big Find criou a oportunidade perfeita para descobrir algumas das últimas tendências em beleza que preenchem alguns de nossos espaços em branco. Ao longo da procura, fomos além do produto para considerar a história por trás da marca e como cada marca poderia ser trazida à vida. Estamos empolgados com o entusiasmo. ” — Priya Rao

 

 

 

 

Fonte: glossy.co 26.02.2020

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Parceiros