Visit us on TwitterVisit us on FacebookVisit us on LinkedIn
Cosmetic Innovation - Know More. Create More.Destaque Empresas & Negócios EntrevistaEntrevista: Renata Minami detalha a estratégia da Sumirê para suas marcas próprias

Entrevista: Renata Minami detalha a estratégia da Sumirê para suas marcas próprias

  • Written by:

Diretora executiva da rede varejista prevê que o novo negócio, que envolve 10 indústrias de ponta, represente 10% do faturamento até 2025

Por Estela Mendonça

Renata Minami, diretora executiva da Sumirê, apesar de pertencer a uma das 30 famílias que administra da rede fundada em 1984 e que conta com 74 lojas distribuídas por todo estado de São Paulo, ingressou na empresa como vendedora de loja em 2009 e passou por diversas áreas. Formada em administração, já havia atuado na área comercial da P&G. Hoje é a responsável por um momento de transição da rede, que tem mergulhado no mercado digital, fortalecendo seu e-commerce e presença na internet, além de alavancar as vendas com investimentos em marcas próprias.

Renata Minami, diretora executiva da Sumirê

Seguindo a tendência do varejo, as quatro marcas próprias da Sumirê chegaram às gôndolas ao longo de 2021. Atualmente, são mais de 200 skus, distribuídos pelo portfólio de quatro marcas:  Muah, de  maquiagem, esmaltes e cuidados femininos; Minná, de acessórios para  cuidados pessoais; Meráki, de cuidados capilares, e Kodomo, dedicada ao público infantil. “Buscamos oferecer produtos de qualidade com preços competitivos e opções acessíveis para todos os públicos”, afirma Renata.

Em entrevista exclusiva ao Portal Cosmetic Innovation, Renata conta um pouco sobre o novo negócio da Sumirê, os impactos da pandemia e a estratégia de crescimento para os próximos anos.

Qual foi o objetivo de ingressar no mercado com marcas próprias?

Já existia o desejo de ter uma marca idealizada, desde o início, por nós. Com nossa experiência de anos dentro deste universo, pudemos entender cada passo do mercado, da cadeia de produção, entender o nosso público, o que eles sentiam falta, e o principal, ter contato com matéria prima de qualidade para ofertar. Então, optamos por ter o nosso portfólio próprio de produtos, feito por nós desde a arquitetura da marca, levando qualidade e preço justo aos nossos consumidores.

Como são desenvolvidos e fabricados os produtos? Que etapas são terceirizadas e como a empresa seleciona seus terceiristas?

Os produtos são fabricados em dez indústrias de ponta, que foram auditadas por uma empresa especializada, seguindo rigoroso checklist. Destas, quatro possuem certificações internacionais. Também realizamos testes comparativos de desempenho e sensoriais de produto no processo de desenvolvimento de cada linha. Foram dois anos de planejamento até que o primeiro produto chegasse à gôndola e hoje temos mais de 200 itens lançados pelas marcas próprias.

Já dá para fazer uma avaliação do resultado de vendas desses produtos?

Atualmente, já temos produtos entre os mais vendidos no grupo.  O potencial é grande e acreditamos muito nas marcas próprias. Nossa expectativa é que a venda dos itens de fabricação própria represente 10% da receita até o ano 2025.

Quantas lojas a rede tem atualmente e onde estão localizadas?

Hoje contamos com 74 pontos de vendas, distribuídos em todo o estado de São Paulo. As lojas estão localizadas nas cidades: Andradina, Araçatuba, Assis, Avaré, Barueri, Bauru, Birigui, Botucatu, Bragança Paulista, Caçapava, Cotia, Cruzeiro, Francisco Morato, Guaratinguetá, Ibiúna, Itapeva, Jandira, Jaú, Jundiaí, Lorena, Marília, Mogi das Cruzes, Osasco, Piedade, Pindamonhangaba, Presidente Prudente, Ribeirão Pires, Ribeirão Preto, São Carlos, São José dos Campos, São Paulo, São Roque, Sorocaba, Suzano, Tatuí e Taubaté.

Há planos de aumentar a rede e expandir para outras regiões?

Sim, temos este plano. Porém, é necessário um estudo maior para traçar uma estratégia assertiva. O conceito de perfumaria, como o ponto de venda de produtos de higiene, beleza e bem-estar, nasceu em São Paulo. Em muitos outros estados, a perfumaria é a loja que vende perfume. Por isso precisamos entender qual é a melhor forma de acessar essas outras regiões.

Quais foram os impactos da pandemia nos negócios?

Podemos dizer que a pandemia foi muito desafiadora, mas muito positiva também. Já estávamos caminhando no sentido de uma modernização tecnológica e, com as lojas fechadas, este processo precisou ser acelerado. Foi um período desafiador, mas conseguimos ingressar em espaços que, até então, ainda não havíamos chegado. Em relação ao faturamento e vendas, nosso objetivo atual, é voltar ao passo que estávamos em 2019, antes do fechamento do comércio.

Como a empresa pretende lidar com os impactos da inflação e da redução de renda dos consumidores?

A Sumirê se preocupa com os seus consumidores, pois sabemos que comercializamos produtos essenciais para o dia a dia, especialmente os de higiene. Por isso, buscamos oferecer produtos de qualidade com preços competitivos e opções acessíveis para todos os públicos. Neste ano, fizemos uma parceria com a Credz e trouxemos a opção de cartão de crédito da loja para os nossos clientes. Acreditamos que esta é uma forma de aumentar o poder de compra e resgatar aquele cliente que estava deixando de consumir, pois nesta opção de pagamento ele encontra prazo, parcelamento e formas de negociação, e com isso consegue comprar produtos para suas necessidades básicas. Hoje já temos mais de mil consumidores que possuem o nosso cartão. Foi uma parceria muito positiva para os dois lados.

Quais são as perspectivas para os negócios nos próximos meses?

Neste segundo semestre, nosso objetivo é lançar novos produtos das marcas próprias e trazer novidades no segmento de esmaltes, decorações para unhas, escovas de cabelo e produtos essenciais para o cuidado labial. Além de uma linha de esmaltes exclusiva para a Copa do Mundo.

Quais os critérios para a Sumirê agregar uma nova marca em suas lojas?

Eles precisam assegurar uma entrega de qualidade aos nossos clientes. Devem agregar ao nosso portfólio, tanto em força de marca, quanto a variedade do nosso mix. Além, claro, de parceria comercial. Quando falamos em parceria, significa ganha-ganha. Escolhemos nossos parceiros a dedo, pois queremos crescer juntos.

Como a faz a gestão logística das lojas?

Trabalhamos com parceiros de hub logístico, além da logística que aproveitamos dos nossos próprios fornecedores.

fsmip_meta_s_enable_floating:
yes
fsmip_meta_s_enable_post_icons:
yes

Comments are closed.

Parceiros 2021

Home

Categorias

Nossos Portais

Parceiros

Social Media Icons Powered by Acurax Website Redesign Experts