Visit Us On TwitterVisit Us On FacebookVisit Us On LinkedinVisit Us On Instagram
Cosmetic Innovation - Know More. Create More.Radar WGSNNootrópicos: A última moda no mundo da saúde

Nootrópicos: A última moda no mundo da saúde

  • Written by:
Por WGSN
Última moda no mundo da saúde, os nootrópicos são suplementos funcionais que agem no cérebro para melhorar a memória, o humor e a energia mental. Marcas de beleza, tomem nota.

O mercado

Publicado em dezembro de 2016, um estudo da consultoria Credence Research prevê que o mercado mundial de suplementos funcionais alcance os US$ 6 bilhões até 2024, expandindo-se a uma taxa anual de 17,9%. O interesse dos consumidores por nootrópicos tem crescido de forma exponencial – o mercado mundial atingiu cerca de US$ 1 bilhão em 2015.

Os principais fatores a estimular a demanda são as informações sobre os benefícios dos nootrópicos, a demanda crescente de suplementos nas áreas de saúde e bem-estar e a chegada dos nootrópicos ao mercado de massa.

As pesquisas no Google sobre esse termo têm aumentado desde 2011. Foi nesse ano que o filme “Sem limites” foi lançado, uma história sobre um homem que descobre novos poderes após ingerir uma droga inteligente chamada NZT-48.

A popularização do “hacking biológico” nos últimos anos tem levado ao aumento no interesse pelos nootrópicos entre os consumidores que desejam estimular o desempenho cerebral.

De acordo com o Google, os EUA, o Canadá, a Rússia e a Austrália são os países que mais fazem pesquisas no mecanismo de busca sobre o assunto. Mas quando se trata de desenvolvimento de nootrópicos, a liderança é da Rússia.

O acesso à informação on-line está dando mais informações aos consumidores. Os sites estão criando comunidades nas quais os usuários podem tirar dúvidas e participar de discussões. Sites populares, como o thenootropics.subreddit, o Bluelight forums e o Bulletproof Exec, dão conselhos sobre os diferentes tipos de suplementos funcionais para melhora do desempenho cognitivo.

A América do Norte continua sendo o maior mercado de nootrópicos do mundo. A grande população, aliada ao crescimento do “consumo por conta própria” e à consciência sobre a saúde cognitiva e de prevenção, estimula a demanda. A Ásia está se aproximando, já que Índia e China surgem como os mercados regionais que mais crescem em termos de consumo de nootrópicos. O histórico da região no uso de remédios naturais e a base de ervas que auxiliam no desempenho cognitivo está muito bem documentado.

O consumidor

As exigências da vida moderna estão levando os consumidores a buscarem meios de “hackear biologicamente” seus cérebros e corpos. Sabe-se que os nootrópicos podem ser usados para otimizar as funções cognitivas e as pessoas estão utilizando esses medicamentos para ter mais foco, pensar melhor e trabalhar de modo mais eficiente.

Extremamente populares no Vale do Silício, os nootrópicos estão ganhando aceitação no mercado de massa e já contam com grupos de usuários, desde programadores, fundadores de start-up e pessoas que precisam trabalhar por longos períodos até pacientes de depressão que obtiveram sucesso usando os nootrópicos de modo autônomo.

O uso de suplementos funcionais entre jovens e estudantes está crescendo, à medida que essas pessoas buscam melhorar sua performance no trabalho e seu desempenho na universidade. O Modafinil é um exemplo de nootrópico que faz sucesso entre os estudantes.

Acredita-se que a droga ajuda o cérebro a focar nas atividades por longos períodos e inibe o cansaço.

Acelerador cerebral

Acredita-se que os nootrópicos são capazes de alterar a forma como a mente trabalha. Eles são usados desde os anos 60, quando o químico e psicólogo romeno Corneliu E. Giurgea criou um coquetel de drogas chamado Piracetam com o intuito de aumentar a atividade cerebral. O termo vem da junção das palavras gregas “noons”, que significa “mente”, e “tropein”, que pode ser traduzida como “virada” ou “mudança”.

Alguns estudos demonstraram uma ligação entre os ingredientes encontrados nos suplementos nootrópicos e melhorias específicas na performance do cérebro. Um estudo publicado no jornal científico Frontiers in Neuroscience, por exemplo, comprovou que a função cerebral de pacientes idosos que tomam Piracetam regularmente melhorou.

Outras pesquisas sugerem que esses suplementos psicoativos inteligentes, ao aumentar a quantidade de neurotransmissores, podem melhorar o desempenho cognitivo e as funções mentais, o que possibilita o aprimoramento das memórias de curto e longo prazo, da capacidade de aprendizado e do déficit de atenção.

Os cientistas que pesquisam os nootrópicos descobriram que os tabletes de Bhāvita Śaṇkhapuṣpī (uma droga inteligente produzida a partir da erva tradicional Convolvulus pluricaulis) é um caminho promissor para aumentar e melhorar a memória.

Outras substâncias comuns encontradas nesses aceleradores cerebrais são a Ginkgo biloba, a Bacopa monnieri e a L-teanina.

Esses suplementos foram usados em caráter experimental para propósitos farmacêuticos em alguns países. Um estudo de 2015 realizado em Taiwan apontou uma melhora na expectativa de vida de pessoas que sofriam de demência quando os nootrópicos foram incorporados à rotina diária.

As marcas

Está surgindo uma nova categoria de bebidas e suplementos funcionais, com nootrópicos que afirmam ser capazes de resolver problemas como “névoa cerebral”, falta de memória e perda de foco.

Quem lidera esse movimento é a HVMN (conhecida antes como Nootrobox). Esta empresa de San Francisco oferece uma linha de produtos que são entregues todo mês diretamente na casa do cliente. Há três produtos: o Rise, o Sprint e o Yawn, que estimulam diferentes funções, da performance ao sono, além do Go Cubes, conhecido como “café mastigável”. As principais substâncias desses produtos são cafeína, vitamina B e L- teanina, que dão energia, além de ervas como Bacopa monnieri e Rhodiola rosea que podem melhorar o funcionamento da memória. Os consumidores podem escolher entre diversas opções quais atendem às suas necessidades.

A TruBrain, fundada por um antigo executivo da área de alimentos e bebidas da Unilever, Chris Thompson, oferece uma linha de bebidas, barras e cápsulas funcionais e produtos à base de café, formulados com neuropeptídeos poderosos, capazes de “turbinar” o cérebro.

Durante o processo de desenvolvimento, os produtos são enviados para uma avaliação conduzida pelos neurocientistas da empresa, que usam testes de ondas cerebrais para garantir a performance deles.

A start-up Qualia também conta com uma equipe de cientistas para testar a eficiência dos produtos. O suplemento da marca é desenvolvido pelo coletivo Neurohacker, uma organização formada por especialistas em neurociência.

A Bulletproof oferece uma linha de produtos que vão de café a alimentos e suplementos de proteína. As cápsula do Unfair Advantage trazem duas coenzimas – CoQ10 e PQQ – que podem ajudar as células do corpo a gerarem energia. O Brain Octane Oil vem com ácidos graxos extraídos do óleo de coco para “metabolizar a energia”.

Produzindo o mesmo efeito, a Nootro é uma cápsula para ser tomada diariamente. Com um combinação de ingredientes, o produto afirma ser capaz de dar foco e energia por mais de seis horas.

Importância no futuro

O cérebro é um órgão complexo e fascinante, que consome cerca de 20% da energia do corpo. À medida que a vida moderna fica cada vez mais corrida, os consumidores estão buscando nootrópicos para melhorar o desempenho cerebral e a performance. Esses produtos estão começando a ganhar força no mercado de massa.

De acordo com a Nootrobox, os nootrópicos estarão “amplamente disponíveis em lojas de conveniência, salas de aula e locais de trabalho em poucos anos”.

Os nootrópicos também podem ser explorados pelos segmentos de beleza e bem-estar em um futuro próximo. Esses aceleradores cerebrais poderiam ser incorporados a sucos, suplementos e alimentos, não apenas para estimular o cérebro, mas também para trazer benefícios à pele, cabelos e funções corporais.

Há também oportunidades em potencial para combinar os nootrópicos com apps de celular e dispositivos usáveis, criando uma abordagem personalizada para diferentes tarefas e para manter a performance por longos períodos.

Agradecemos a leitura, compartilhe!

Home

Categorias

Nossos Portais

Parceiros